Blog da Roberta Malta

10/11/2009

Vitamina (mais) magra

O assunto ainda é emagrecer comendo (alguém aí acha que eu tô paranóica?).

 

Naquela linha comfort food, uma das coisas que mais gosto na vida é a vitamina de banana da minha avó. Mas vamos combinar que eu não estou, exatamente, precisando de nada para ficar forte... Meus problemas acabaram, olha só o que eu descobri!

 

Sim, biscoito maizerna light!!

 

Eu sou ma-lu-ca por biscoito maizena, acho que é meu preferido. E agora posso tomar uma vitamina mais magrinha, não é bom?

Se quiser experimentar, é só bater no liquidificador uma banana, um copo de leite desnatado e uma meia duzia de biscoitos maizena. É inacreditável! E, se tiver podendo, faça a versão original e mergulhe em toda cremosidade que você tem direito! Ai, ai...

(Eu ando gemendo muito ultimamente, né?! Ai, ai...) 

 

Por Roberta Malta às 11h49

07/10/2009

Carinha de comida

Fazer criança comer é muito chato. O Tato gostava de tudo quando era bebê, agora é cheio de restrições. Não pode encontrar um pedacinho de cebola no prato que encerra a refeição na hora. Adora comida queimada e detesta até o cheiro da manteiga. E o pior é que ele tem paladar, difícil enganar o menino!
Aquele truque de pediatra de fazer bolinho de espinafre nunca deu certo comigo. E eu sempre achei a mãe do Pedro (que levava cenoura baby no lanche da escola) infinitamente mais eficiente que eu. Coisas da vida.

Isso tudo pra explicar porque eu gostei tanto dessa louça.

 

 

À venda na Utilplast (Al. Lorena, 1391, Jardins) por R$ 57 tem o traço de um rosto para a moçadinha criar o personagem que quiser. Achei lindo e é capaz de funcionar, sabia? Tudo bem que lá em casa ia pintar cabelo de miojo, sombrancelha de batata frita e boca de chiclete. Mas não custa tentar, acho que vale o investimento. 

Fora que é uma fofura de presente pro Dia das Crianças, vai? Eu quero!

Por Roberta Malta às 20h30

06/10/2009

Guloseimas

Pra quem não sabe eu sou mãe de um menino, o Tato, de quase dez anos, que adora uma novidade. Por isso, conheço todas as porcarias do mercado de guloseimas e, confesso, de umas eu até gosto. E também faço meus intercâmbios com ele. Outro dia, apresentei aquele docinho de leite da infância (aquele... que vinha num envelope pequeno de plástico duro e a gente cortava com os dentes laterais, quem se lembra?) e o moleque achou incrível!

-- Já eu achei o doce com gosto muito artificial de framboesa e líquido demais, ralo. Não sei se foi o meu paladar que mudou ou a qualidade dele caiu mesmo. Um pouco dos dois, talvez...--

Mas a nova febre na minha casa é o Mini Bis de copinho, da linha "é impossível comer um só", delicioso.

A embagem vem cheia de pedacinhos do biscoito em camadas cobertos pelo chocolate do recheio. É muito bom! E o legal é encher a mão e comer um monte de uma vez.

Os mais conscientes (aqueles que abrem uma caixa de Bis e só comem três!!) podem se deliciar aos poucos. O pote é bem lacrado e conserva o chocolate numa boa. Amei!

 

Por Roberta Malta às 18h15

Ir para UOL - Receitas

Sobre o autor

Roberta Malta é jornalista de gastronomia e blogueira por vocação. Escreve nas revistas Prazeres da Mesa, Casa & Comida e algumas outras sempre sobre ingredientes, bebidas, restaurantes. Formou-se em gastronomia, estudou vinhos na ABS- SP, mas está em constante aprendizado e pretende dividir suas descobertas e dúvidas com todos que acessarem seu link.

Sobre o blog

O "Sopa de Letrinhas" é um observador bem humorado da gastronomia, com pitadas do dia-a-dia da autora. Serve também como agregador e mixer de pessoas. Tem um olhar empolgado, emocionado, frio, crítico, curioso sobre comidas, bebidas, novidades, livros, restaurantes ou um pouco de tudo. Divirta-se!

Histórico

© 1996-2009 UOL - O melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.
Hospedagem: UOL Host